O vo­ca­lis­ta dos Radiohead, Thom Yorke, re­sol­veu pre­sen­te­ar os fãs com um te­ma iné­di­to do gru­po — um ape­ri­ti­vo en­quan­to não che­ga o no­vo dis­co, pro­va­vel­men­te no pró­xi­mo ano.

O te­ma é «Spectre», com­pos­to pa­ra o no­vo fil­me de James Bond mas que o re­a­li­za­dor Sam Mendes pre­fe­riu não uti­li­zar, op­tan­do por «Writings on the Wall», de Sam Smith. «Spectre» es­tá na li­nha do que já ou­vi em «In Rainbows» ou nas gra­va­ções mais ca­sei­ras de «Life from the Basement».

«No ano pas­sa­do fo­mos con­vi­da­dos a es­cre­ver um te­ma pa­ra o úl­ti­mo Bond. Sim, fo­mos. Não re­sul­tou, mas tornou-se em al­go nos­so de que gos­ta­mos mui­to» — es­cre­veu Yorke. — «Agora que o ano es­tá a aca­bar, jul­gá­mos que gos­ta­ri­am de a ou­vir. Feliz Natal. Que a Força es­te­ja convosco.»

Que a Força es­te­ja con­vos­co? Também tu, Brutus? Que a for­ça es­te­ja con­vos­co» é o que te­nho an­da­do a di­zer aos meus in­tes­ti­nos des­de que co­mi por­ca­ri­as a mais na ceia de Natal e fi­quei com pri­são de ven­tre — mas obri­ga­do, Thom, co­mo fã nú­me­ro 1 de uma das me­lho­res ban­das do mun­do agra­de­ço o presente.

Marco Santos

Bitaite de Marco Santos

Editor @Sapo. Blogger @Bitaites. Legendas @LegDivx. Pai em todo o lado. Queres contactar-me?